Quem Sou eu quando a pressão não vem?

O mundo parou. E fico eu e o meu mundo. O mundo parou e eu, não voltarei ao que era há pouco. O mundo parou e eu posso recomeçar.


Quando o tempo pára e o espaço se abre, o que fica? O que nos tem? O que se vai?

Quando o tempo pára e a vida se abre, o que resta? O que contém? O que move?

Quando o tempo pára e o amor não se contém, o que testa? O que ilumina? O que detém?


São dias de dias parados que nos mostram a vida que a vida tem. Dias em que nos deixamos aborrecer até a vontade da alma se revelar.

Porque só com espaço podemos ouvir corretamente o que nos chama para Ser. Se nunca fomos ninguém na vida, está na hora de deixar a vida nos relembrar que Somos também.


Basta de distrações. Os limites são a nossa salvação.

60 visualizações
  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social

© 2020 por Bárbara Leão de Carvalho. Orgulhosamente criado por TheGoodBrands.org